terça-feira, novembro 21, 2017
As histórias consideradas falsas serão agora "sinalizadas" pelo Facebook, com um rótulo vermelho acompanhando a afirmação de que a história contêm assuntos controversos entre terceiros.
Há dez anos havia uma predominância muito maior de açougues de bairro. Eram comércios na maioria das vezes confiáveis e a procedência das carnes normalmente não era tão duvidosa quanto a vendida no supermercado.
Confesso que escrever um texto sobre feminismo e os porquês de não me identificar com o movimento soa um pouco estranho para mim.
A atual catástrofe econômica da Venezuela já está bem documentada. As narrativas convencionais apontam para o regime de Hugo Chávez como sendo o principal arquiteto da tragédia econômica que acomete o país. Embora Chávez e seu sucessor, o motorista...
Mais de 1.000 crianças foram tratadas pelo Serviço de Transtorno de Identidade de Gênero, prestado pelo Serviço Nacional de Saúde no Reino Unido, entre abril e dezembro do ano passado (2015).
Os sindicatos se dizem organizações preocupadas em promover os interesses dos trabalhadores. Quando destituída de toda a retórica marxista, tal afirmação não é de todo inverossímil: em alguns casos, os trabalhadores de fato possuem interesses em comum, cuja defesa pode ser delegada a um agente especializado (os sindicatos).
E a partir desse clique quase imperceptível num pedaço de plástico é possível dizer que você é desses que se importam com o debate político no seu país. Mais do que isso: muito provavelmente você não anda nada satisfeito com a forma como esse debate é conduzido por aqui.
Geralmente vemos esquerdistas se referirem a quem é da direita como um “louco da direita”, e daí por diante. O problema é que a crença da direita é coerente até com o que a teoria da evolução tem a nos dizer. Enquanto isso, a crença esquerdista é baseada em quê? É isso que começamos a investigar de uma forma mais clínica a partir do livro The Liberal Mind: The Psychological Causes of Political Madness, de Lyle Rossiter, lançado em 2011.
Geralmente criadas após momentos de ruptura, Constituições costumam marcar a história de um povo, decretando o fim de um período e abrindo alas para um novo arranjo político.
Graças à acumulação de capital, o trabalho infantil foi abolido e a jornada de trabalho, reduzida.

Notícias Recentes

video

‘Minha fuga da Coréia do Norte’ ~ Hyeonseo Lee

A impactante história de Hyeonseo Lee *Busque 'Hyeonseo Lee' no Google e veja o que retorna, quase nada em português!!!
video

Entenda o que é fascismo.

O Fascismo na Itália nasceu a partir de dois outros movimentos: o sindicalismo e o nacionalismo. Os sindicalistas acreditavam que a vida econômica deveria ser governada por grupos que representassem os trabalhadores das indústrias e manufaturas. Os nacionalistas, feridos pelo tratamento dispensado à Itália após a Primeira Guerra Mundial, combinavam a idéia da luta entre as classes com a idéia de uma luta entre as nações. Diziam que a Itália era uma nação proletária e que, para obter uma parte maior da riqueza mundial, todas as classes italianas deveriam se unir. Mussolini foi um sindicalista que se tornou nacionalista durante a Primeira Guerra Mundial.
video

Documentário Clandestino sobre a Coréia do Norte

Esse país é o mais fechado do mundo, não é permitido filmagens. Dublado pela SIC Notícias de Portugal. Produzido por: Pallas TV, Chosun Ilbo Korea, Première Nouvelle
video

Qual a Diferença entre Capitalismo e Socialismo? [Silvio Matos]

Qual a Diferença entre Capitalismo e Socialismo? Por: Silvio Matos Original: https://youtu.be/2gGsdyn2224
video

Porque o socialismo não funciona?

Conforme John Stuart Mill, Alexis de Tocqueville, Bernard-Henri Lévy, Karl Popper, Joseph Schumpeter, Carl Menger, Ludwig von Mises, Max Weber, Michael Voslensky, Friedrich Hayek, Eugen von Böhm-Bawerk, Milovan Djilas, Milton Friedman, Eric Voegelin, Murray Rothbard, Václav Havel, Pitirim Sorokin, Thomas Sowell,...

+ lidos